Williams Mercedes F1 2020 - Análise

Williams Mercedes F1 2020 - Análise

7 de Abril de 2020

A equipe da Williams Mercedes fez uma péssima temporada em 2019 ficando em último lugar em tudo. Assim, a mesma já não é tão forte quanto antigamente e deverá brigar pelas últimas colocações.

A Williams Mercedes no campeonato da fórmula 1 em 2019

Não há o que discutir em relação a Williams Mercedes em 2019, pois o resultado foi muito ruim. São pelo menos duas temporadas onde o carro não ajuda e as evoluções são poucas.

Assim, a mesma ficou em último lugar no mundial de construtores, ou seja, no décimo lugar. Os resultados obtidos foram os seguintes:

  • 1 ponto
  • 0 vitórias
  • 0 pódios

Vale lembrar que apenas 10 equipes participam do campeonato, o que demonstra a fraqueza da mesma. Já os seus pilotos também não foram nada bem na temporada de 2019.

Pois, George Russell (Inglaterra) ficou apenas na vigésima posição (último colocado). Além disso, o mesmo zerou em todas as categorias, não marcando absolutamente nenhum ponto.

Enquanto que o seu companheiro de equipe em 2019 era R. Kubica que apenas marcou um ponto no campeonato. Logo após o término da temporada, o mesmo foi substituído por Nicholas Lafiti (Canadá).

 

O carro da Williams Mercedes para a temporada 2020 da fórmula 1

 Há uma certa evolução pelo que foi visto no carro da Williams Mercedes na pré-temporada. Contudo, a tendência é de que o modelo chamada de FW43 continue disputando as últimas colocações nas corridas.

Pois, não existe força suficiente para uma reviravolta que possa garantir uma disputa pela parte de cima da classificação.

 

A equipe da Williams Mercedes para 2020

A Williams Mercedes teve duas temporadas muito ruins e tenta em 2020 voltar a pontuar. Nesse sentido, é possível perceber que a mesma ainda não consegue voltar a ser a grande Williams do passado.

 

Os pilotos da Williams Mercedes em 2020

Logo após a saída de R. Kubica, a equipe contratou o jovem Nicholas Latifi que faz a sua estreia. Em sua trajetória ele possui o vice-campeonato da Fórmula 2 em 2019 e por isso conseguiu a vaga na F1.

O seu companheiro de equipe é George Russell que possui 22 anos de idade e vem para a segunda temporada. Embora seja muito talentoso ainda não conseguiu nenhuma pontuação na fórmula 1.

Mesmo tendo um carro muito ruim, ele consegue pilotar bem e recebeu elogios da própria Williams Mercedes. Nesse sentido, apresenta força de vontade e poderá até mesmo conseguir alguma pontuação.

 

O que esperar da Williams Mercedes na temporada 2020?

Mediante a tudo que já foi informado anteriormente é possível notar que a Williams Mercedes é bem fraca. O carro possui desempenho ruim e permite com que os pilotos fiquem na parte inferior da tabela.

Assim, as projeções são as mesmas de 2019, indicando que poucas mudanças foram realmente aplicadas. Os pilotos não tem culpa, já que o carro não permite com que eles possam mostrar seu potencial.

Entretanto, é uma incógnita se eles poderão ou não obter alguma pontuação na temporada de 2020. Pois, são capacitados e vale lembrar que Latifi está estreando na fórmula 1 e pode surpreender.

Portanto, a Williams Mercedes deverá brigar pelas últimas colocações, mesmo podendo conseguir alguns pontinhos.