Renault F1 2020 - Análise

Renault F1 2020 - Análise

6 de Abril de 2020

A equipe da Renault fez uma temporada de 2019 onde mostrou uma regularidade ficando no meio da classificação. Assim, a mesma chega com a expectativa de brigar pelos pódios da competição em 2020.

A Renault no campeonato da fórmula 1 em 2019

Essa equipe da fórmula 1 conseguiu ficar em quinto lugar na classificação do mundial de construtores em 2019. Dessa forma, os números que foram obtidos durante a temporada foram os seguintes:

  • 91 pontos
  • 0 vitórias
  • 0 pódios

Enquanto que o seu principal piloto Daniel Ricciardo (Austrália) conseguiu ficar na nona colocação do campeonato em 2019. Com isso, ele obteve os seguintes resultados:

  • 54 pontos
  • 0 vitórias
  • 0 pódios

Seu companheiro de equipe é Esteban Ocon que ainda não conseguiu resultados expressivos até o momento. De fato, é possível perceber que o título será difícil de conseguir, mas a briga pelos pódios é possível.

O carro da Renault para a temporada 2020 da fórmula 1

O carro da equipe Renault foi considerado como sendo o melhor de todo o resto. Enquanto que em 2019 a mesma perdeu esse posto para a McLaren que conseguiu se superior.

Mesmo com todos os investimentos aplicados pelo departamento técnico da Renault isso não foi suficiente na temporada passada. Já em 2020 o carro demonstra ser muito mais equilibrado, mas inferior ao dos seus rivais.

 

A equipe da Renault para 2020

Em relação a equipe em si, a Renault realmente foi a que mais realizou investimentos no grupo. Pois, seus técnicos foram melhorados e as fábricas foram melhoradas.

Além disso, Daniel Ricciardo foi contratado juntamente com o promissor Esteban Ocon. Entretanto, a equipe ainda continua apresentando uma gestão que é tida como seu grande ponto fraco.

Os pilotos da Renault em 2020

Contratado para compor a equipe da Renault em 2020, Daniel Ricciardo tem atualmente 28 anos. Dessa maneira, ele apresenta os seguintes números:

  • 179 corridas
  • 3 poles
  • 7 vitórias
  • 29 pódios

Além disso, é um piloto experiente e que mantém uma alta capacidade técnica nas corridas. Considerado como sendo completo, obteve resultados positivos quando atuava pela RBR Honda.

Já o seu companheiro na equipe é Esteban Ocon que tem 21 anos e é muito promissor. Sua estreia foi em 2016, tendo completado 55 corridas, mas sem obter pódios ou poles.

Ambos os pilotos são bons e podem vir a disputar pódios na temporada de 2020, sendo o título mais difícil.

O que esperar da Renault na temporada 2020?

Conforme podemos perceber os resultados foram regulares em 2019 e algumas mudanças ocorram para 2020. Contudo, a disputa pelo título é mais complicada para a equipe, pois seus rivais são superiores.

Assim, a projeção é de que a briga seja pelos pódios e pontuações que podem ser obtidas pelos bons pilotos. Investimento não faltou, embora a gestão ainda continue sendo um problema da equipe.

O fato das principais equipes terem evoluído podem dificultar ainda mais as expectativas da Renault. Pois, a Mercedes, Ferrari e RBR Honda possuem bons carros e costumam ser superiores.

Portanto, a Renault vem para disputar pódios na temporada de 2020 e as chances de título são poucas. Obviamente tudo depende do que irá ocorrendo durante as corridas, mas por enquanto as projeções são essas.